Emprego Apoiado – EA – é o nome dado a uma Metodologia para inserção no mercado de trabalho de pessoas com deficiência: física; visual; auditiva; intelectual; múltipla; Síndrome de Down e paralisia cerebral. Aplicável, também, para vítimas de violência doméstica, ex-tóxico dependentes e pessoas desempregadas de longa duração. Surgiu nos EUA na década de 80, e vem contribuindo para a inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho, rompendo com as barreiras criadas pelos modelos tradicionais, que concebiam a pessoa com deficiência como incapazes, dependentes e inaptas para o mercado de trabalho.

Esta Metodologia assegura que as pessoas com deficiência tenham condições de participar e contribuir ativamente na sociedade, tendo acesso ao que antes lhes era negado: emprego competitivo, educação, lazer, utilização de transportes e participação social.

Adotamos a definição da Associação Europeia de Emprego Apoiado (EUSE), que descreve a metodologia do EA da seguinte forma:

“Conjunto de ações de assessoria, orientação e acompanhamento personalizado, dentro e fora do local de trabalho, realizadas por preparadores laborais e profissionais especializados, que tem por objetivo conseguir que a pessoa com deficiência encontre e mantenha um emprego remunerado em empresas do mercado formal de trabalho, nas mesmas condições que o resto dos trabalhadores que desempenham funções equivalentes.”

O projeto desenvolvido pelo ITS BRASIL atualmente (com término previsto para 2018) é vinculado ao PRONAS/PCD – Programa Nacional de Apoio à Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência, do Ministério da Saúde do Governo Federal, para aplicabilidade no município de São Paulo. Para sua execução, foi estabelecida uma parceria com a Prefeitura Municipal de São Paulo e suas secretarias afins, especialmente a Secretaria da Saúde e a Secretaria da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Urbana.

Em 2016 encerramos o projeto iniciado em 2015. Com uma equipe de 7 técnicos de Emprego Apoiado, conseguimos inserir 183 pessoas no mercado de trabalho.

A partir dos resultados do projeto, lançamos duas publicações: a primeira sobre a metodologia do Emprego Apoiado aplicada pelo ITS BRASIL e a outra com 21 casos exemplares de inserções no mercado de trabalho, os resultados obtidos e os instrumentos de avaliação. Vimos pelos resultados recolhidos que as pessoas inseridas neste primeiro projeto se mostraram satisfeitas, ou muito satisfeitas, principalmente com as condições de trabalho do seu novo emprego, a relação com os líderes e com seus novos companheiros.

A inclusão no mercado de trabalho é a forma mais digna de assegurar a inclusão social da pessoa com deficiência, respeitando suas potencialidades, seus direitos e aumentando a sua autoestima. É o que a metodologia do Emprego Apoiado busca garantir.

Voltar